Veja mais em nosso Blog

É possível financiar um imóvel com zero de entrada?

Neste novo artigo exclusivo, nós da equipe Somas separamos para você alternativas que podem te ajudar a gerenciar o valor alocado na entrada dos financiamentos imobiliários.

Logo Soma$
Equipe Somas - Lorraine Moreira
*Atualizado em 16 de agosto, 2021

COMPARTILHE:

O que você verá nesse artigo:

  • Minha Casa Minha Vida: Vigor da nova regra
  • Financiamento de 100% do imóvel
  • Compra com FGTS
  • Sistema de financiamento habitacional (SFH)
  • Apartamentos com compra na planta
  • Parcelamento da entrada
  • Custo do imóvel
  • Financiar Imóvel sem EntradaAprenda se é possível financiar seu imóvel sem entrada?

    Comprar a casa própria é o sonho de muitos brasileiros. Mas o valor cobrado na entrada do financiamento torna esse sonho distante Por isso, surge o questionamento: é possível comprar um imóvel sem pagar a entrada?

    Ao contratar um financiamento imobiliário é necessário pagar de 20% a 30% do valor total do imóvel - o restante é parcelado. Isso é exigido pela instituição bancária para garantir a rentabilidade do empréstimo concedido, sem correr o risco de inadimplência.

    Considerando que se trata de uma operação de risco, geralmente os bancos não aprovam a compra de um imóvel sem entrada. No entanto, existem linhas de crédito no mercado imobiliário que oferecem oportunidades para quem não possui dinheiro.


    Minha Casa Minha Vida: Vigor da nova regra


    Antes de 2020, comprar apartamentos sem entrada pelo programa Minha Casa Minha Vida era uma opção para quem possuía baixa renda e pertencesse ao grupo 1. Pelas regras do plano habitacional, a renda familiar desse grupo precisava ser inferior a R$1.800 mensais por pessoa.

    O Minha Casa Minha Vida estipulava que essas famílias recebecem um subsídio habitacional de até 90% do valor da casa e o restante seria pago em 120 meses, com parcelas mensais de R$80 a R$270 reais. Como o financiamento era integralmente parcelado, o comprador tinha um apartamento próprio sem precisar dar dinheiro de entrada. Em agosto de 2020 o Governo Federal emitiu uma medida provisória (MP), criando o plano da Casa Verde Amarela para substituir o Minha Casa Minha Vida.

    Com a reformulação, o grupo de renda mais baixa passou a ser o primeiro e a renda familiar mensal chegou a R$2.000. Ao invés de pagamentos parcelados fixos, pagam juros mais baixos sobre a propriedade do financiamento. No entanto, o funcionamento do subsídio ainda não está claro.

    Ele não permitirá financiamento de imóveis sem entrada. Até o momento, a Caixa anunciou o suporte máximo para cada faixa de renda em seu site oficial dedicado ao programa:

    • Famílias com renda mensal não superior a 2.000 reais: O subsídio pode ser de até 4.750 reais. Sendo que o prazo de reembolso é de 30 anos e os juros são, no mínimo, de até 4,75% da renda familiar e da área onde o imóvel está localizado a cada ano.

    • Famílias com renda mensal não superior a R$4.000,00 reais: o subsídio pode chegar a R$29.000,00 reais.


    Financiamento de 100% do imóvel


    Recentemente, a Caixa Econômica Federal (CEF) anunciou um financiamento que permite a transição de inquilinos para proprietários. Trata-se de financiamento com 100% do valor do imóvel com recursos do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) O prazo é de 30 anos, mas para tudo ser custeado, o máximo de parcelas é 240.

    No caso de 300 meses, a possibilidade de financiamento é de 90%; Para aqueles com prazo de 301 a 360 meses, 80% do financiamento total pode ser obtido.

    Você também pode fazer uma simulação do financiamento habitacional ou do empréstimo Real Fácil Caixa e ficar por dentro de mais detalhes sobre prazos e condições clicando aqui.

    O valor do financiamento atende um nicho de pessoas que não possuem poupança para pagar a entrada e que só conseguem se comprometer com o valor das parcelas do financiamento, não podendo pagar aluguel, poupança e a entrada ao mesmo tempo.

    Muitos possuem receio de sacar dinheiro do FGTS para comprar o imóvel, em seguida perder o emprego e não poder pagar as parcelas. Mas as modalidades de financiamento da Caixa atendem a essas pessoas, principalmente as de baixa renda.

    Em entrevista para o site de notícias especializado em finanças, InfoMoney, José Augusto Viana Neto, presidente do Creci-SP (Conselho Regional de Corretores de Imóveis), afirma que o Brasil tem 6 milhões de inquilinos e 2 milhões vivem em regiões periféricas. "Com certeza, iniciamos uma nova era no mercado de habitação no Brasil", comenta.


    Compra com FGTS


    O FGTS pode contribuir para o financiamento de um imóvel, como já dito. Sendo um caminho para que a entrada não tenha que sair diretamente do seu orçamento mensal. Nesse caso, é possível financiar qualquer imóvel em até 1,5 milhão de reais.

    O FGTS pode ser utilizado para o pagamento de entradas. Para isso, é necessário possuir pelo menos três anos de trabalho com carteira assinada, mesmo que não seja em uma única empresa.

    Os compradores não podem possuir imóveis na cidade onde moram ou trabalham, nem estar em uma cidade na mesma área metropolitana. Para utilizar o FGTS, algumas outras regras são:

    • O imóvel deve ser financiado na cidade em que você mora, trabalha ou em municípios da mesma região metropolitana.

    • Sem financiamento público pelo Sistema Financeiro de Habitação (SFH).

    • O imóvel do financiamento deve ser urbano e residencial, e também utilizado para habitação do comprador.

    • O imóvel a ser adquirido não poderá ser comprado com recursos do FGTS por prazo inferior a 3 anos (a contar da data do registro da compra do imóvel).


    Sistema de financiamento habitacional (SFH)


    Nesse caso, o parcelamento deve chegar a 80% do valor do imóvel, você pode usar seu saldo do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) ou fundo de poupança para pagar o restante, como as instituições bancárias cobram juros mais altos, nesse caso, e toda a burocracia, essa opção acabou sendo abandonada pelos bancos.

    Com isso, o Sistema de financiamento habitacional (SFH) se tornou uma alternativa, ampliando a possibilidade de solucionar o problema das taxas de ingresso.


    Apartamentos com compra na planta


    Outra opção de adquirir um imóvel que não exija entrada ou pelo menos o pagamento integral imediato como condição para obtenção de financiamento é falar diretamente com a construtora.

    Pesquise os projetos em construção na área para saber mais sobre as condições Vale lembrar que quanto maior a alocação inicial, menor a taxa de juros, sem contar que se trata de um preço menor, o que reduz o valor e a quantidade das prestações.

    Caso você não possa comprar um imóvel sem um adiantamento, aproveite para pesquisar o valor e iniciar um plano financeiro com foco em economizar -descubra como diminuir os gastos através do nosso artigo. Essa garantia pode te ajudar a pagar o financiamento da sua casa própria o mais rápido possível e sem forçar seu orçamento.


    Parcelamento da entrada


    O parcelamento da entrada do imóvel a ser financiado pode se tornar um grande problema se não houver planejamento de metas financeiras. Sem isso, o comprador não sabe se deve pagar pela parcela do financiamento à construtora ou o parcelamento da entrada do imóvel ao banco. Por hipótese alguma deixe que sua margem de compromisso chegue ao limite, pois essa situação pode ter um resultado negativo, prejudicando quaisquer tipos de negociações com o gerente de sua instituição financeira no momento de fechar um acordo.


    Custo do imóvel


    Dependendo da região, assim como o custo de vida, o valor dos imóveis tendem a mudar. No estado de São Paulo e municípios das regiões metropolitanas do Rio de Janeiro e Distrito Federal, por exemplo, o valor tende a ser maior.

    Para que o custo do parcelamento não seja uma fardo em sua renda mensal, opte por estratégias a fim de ajudar a economizar seu orçamento, como por exemplo o método 50-30-20.


    Veja mais sobre financiamento imobiliário:

    Dicas para comprar o seu imóvel financiado
    30 de agosto, 2021
    Como funciona o financiamento de um imóvel?

    Nesse artigo iremos explicar todos detalhes de como funciona um financiamento imobiliário. Os tipos, entradas, documentação exigida e muito mais.

    Financiar Imóvel sem Entrada
    26 de agosto, 2021
    É possível financiar um imóvel com zero de entrada?

    Neste novo artigo exclusivo, nós da equipe Somas separamos para você alternativas que podem te ajudar a gerenciar o valor alocado na entrada dos financiamentos imobiliários.

    Score para crédito imobiliário
    24 de agosto, 2021
    Qual é o melhor banco para financiamento imobiliário em 2021?

    A equipe da Somas fez uma pesquisa ampla para entender as melhores opções de financiamento imobiliário em 2021.

    Score para crédito imobiliário
    23 de agosto, 2021
    Como funciona a relação do Score de crédito e o financiamento imobiliário em 2021?

    Ter um crédito aprovado para financiar sua casa própria é considerado, para alguns, um grande desafio...

    Quitar o financiamento é uma boa opção?
    17 de agosto, 2021
    Quitar seu imóvel é a melhor opção em 2021?

    Uma dúvida de muitos brasileiros que atualmente possuem um financiamento imobiliário: quitar ou manter meu financiamento. Esse artigo da Somas visa..

    Dicas para comprar o primeiro imóvel financiado?
    16 de agosto, 2021
    Dicas essencias para não ter seu financiamento reprovado pela Caixa em 2021

    Listamos as principais dicas para que você possa aumentar suas chances de aprovação ao financiamento imobiliário da Caixa

    Dicas para comprar o primeiro imóvel financiado?
    16 de agosto, 2021
    Qual o melhor tipo de financiamento imobiliário em 2021?

    Tudo o que você precisa saber para tomar a melhor decisão quando for escolher seu financiamento imobiliário

    Financiamento Imobiliário da Caixa em 2021
    10 de agosto, 2021
    Quais são os melhores financiamentos imobiliários da Caixa em 2021?

    Neste artigo, a Somas fez uma análise completa sobre qual o melhor tipo de financiamento imobiliário da Caixa para seu perfil.

    Glossário de Investimentos
    03 de agosto, 2021
    12 dicas para você que está pensando em adquirir seu primeiro imóvel

    Neste artigo, a Somas separou 12 dicas que são especialmente para você, comprador de primeira viagem que busca encontrar...

    Photo
    22 de janeiro, 2021
    Portabilidade de crédito: você sabe o que é e como funciona?

    Nossa equipe resumiu as principais informações que você precisa saber para entender de uma vez por todas o que é a portabilidade de crédito imobiliário.

    Photo
    11 de janeiro, 2021
    Refinanciamento Imobiliário ou Home Equity

    Nossa equipe resumiu as principais informações que você precisa saber para entender de uma vez por todas o que é o home equity ou empréstimo com imóvel como garantia.

    Alugar ou comprar imóvel
    17 de dezembro, 2020
    Alugar ou comprar um imóvel, como decidir?

    Cada vez mais, os Brasileiros estão optando por ter mais liquidez em seu patrimônio, de forma a ter maior flexibilidade e mobilidade...

    Photo
    11 de novembro, 2020
    Crédito imobiliário e como simular as parcelas

    Como usar nosso simulador de financiamento imobiliário e mais dados sobre o mercado de crédito para imóveis.

    Acesse nossos simuladores e conteúdos para melhorar o seu planejamento financeiro

    Nosso próposito é ajudar nossos usuários a tomarem decisões financeiras mais inteligentes.