COMPARTILHE:

*Atualizado em 08 de junho, 2022

Simulador de Dividendos - Ações


Como usar: Insira nos campos abaixo o preço da médio de compra e atual. Faremos o cálculo automático para saber a rentabilidade atual, dividend yield e lucro acumulado.

R$
R$
Unidades

Código

*DY coletado: 12 meses | Atualizamos o DY todo dia 20 de cada mês | Lista de ações acima (Ibovespa)

%

O ganho bruto acumulado até o momento é de

O valor anual projetado de dividendos é de , ou,

A sua rentabilidade bruta atual é de

Carteira Recomendada Mensal.

Simule com os valores disponíveis para ações e veja quanto alocar em cada ativo.

Suas informações estão seguras com a Somas.


Como usar o Simulador de Dividendos da Somas?


Informe o preço médio que pagou por um ativo. Por exemplo: você comprou 100 ações por R$10 cada e depois mais 100 por R$20 cada, o preço médio foi de R$15. Caso não saiba como calcular o seu preço médio, use nosso simulador de preço médio.

O segundo passo é inserir o preço atual de uma unidade do ativo. Posteriormente, coloque o número total de papéis que possui no momento.

Em seguida, selecione um dos ativos presentes na lista suspensa, o qual se refere ao que você possui. Listamos todas ações que compõem o Ibovespa e trazemos o DY (Dividend Yield) anual atualizado de cada papel. Caso você esteja analisando outro ativo, selecione a opção "Nenhum dos ativos na lista" e adicione o DY anual.

Por fim, automaticamente o resultado da simulação irá aparecer, incluindo o retorno total no ativo, rendimento bruto em % acumulado e rendimento mensal projetado.

Em uma escala de 1 a 10, o quanto você indicaria essa página da Somas para um amigo(a)?


O que são dividendos?


É parte do lucro líquido dividido entre os investidores. Além de ser exigido pela Lei, é também uma forma de atrair acionistas.

Fatores como Dividend Yield e Dividend Payout, explicados em tópicos posteriores, são informações importantes para quem investe. Mas você também deve analisar outras opções.

Quando, como e quanto será pago são pontos definidos pela empresa. Como são informados, é papel do cliente buscar saber disso antes de fazer aplicações.

Não se esqueça de ler os artigos ”ETFs pagam dividendos?” e ”Fundos imobiliários que mais pagam dividendos” para garantir mais conhecimento sobre o assunto.


Por que as empresas pagam dividendos?


Pode parecer estranho que as companhias distribuam seu lucro, mas é uma forma de atrair acionistas.

Além disso, a Lei das S/As de 1976 (Lei n° 6.404) determina que todas as empresas listadas na Bolsa de Valores que conquistaram lucro líquido devem distribuir parte dele aos investidores.

No entanto, não há uma quantia mínima, tornando-se uma opção da companhia a porcentagem oferecida. Isso quer dizer que se alguma desejar pagar apenas 1% do ganho, ela tem direito. No Brasil, geralmente optam por valores entre 20% e 30% do lucro.

Fique atento pois quando a companhia não passa essa informação de forma clara, precisa pagar 50% do ganho.

Caso queira entrar nesse mundo e receber ajuda, cadastre-se na assessoria de investimentos gratuita da Somas.


O que é Dividend Yield?


Trata-se de um índice responsável por apresentar a performance de um provento. A tradução é “rendimento do dividendo”, dessa forma fica fácil compreender que ele demonstra o retorno ao investidor.

Não pode ser o único fator de análise para a decisão, uma vez que ele tende a sofrer variações. Ou seja, pode estar alto hoje e depois diminuir.

Para o cálculo, faça a divisão dos dividendos por ação pelo valor unitário atual dela. Depois, multiplique por 100. Ou seja: Dividend Yield (DY) = (Proventos pagos por ação / preço de uma ação) * 100.

A Somas possui um artigo totalmente focado no DY, confira e descubra mais informações a respeito do tema.


O que é Dividend Payout?


Refere-se ao pagamento dos dividendos ou juros sobre capital próprio. Nesse sentido, é uma porcentagem que demonstra o lucro líquido total entregue aos investidores.

O cálculo é feito a partir do que foi direcionado às pessoas dividido pelo lucro líquido total da empresa.

Imagine que o ganho da empresa foi de R $1 milhão em determinado ano, sendo que nesse mesmo período foram pagos R$ 500 mil aos acionistas. Fazendo a conta, o resultado é de 0,5 e multiplicado por 100 para transformar em porcentagem, obtemos 50% de Dividend Payout.

A partir desse dado, você sabe quanto a empresa paga aos seus investidores. Também analisa se ela utiliza dinheiro para dividendos ou expansão de suas funções. Como as duas opções podem ser úteis, o indivíduo deve ver o que mais faz sentido para seus planos.


Quais são os tipos de proventos?



Dinheiro

Há a possibilidade do investidor receber uma quantia exata ou uma porcentagem com base na ação. Mas caso a pessoa queira, pode reinvestir.


Ações

Pode receber papéis de acordo com a participação que possui - confira “Ações que pagam dividendos mensais em 2022”.


Dividendos especiais

Eles são oferecidos de forma menos frequente, uma vez que a agenda de dividendos é distinta.

O aumento do caixa depois de vender uma parcela do negócio ou por mudanças na regulamentação são dois dos fatores que acometem isso.


Juros sobre Capital Próprio (JCP)

Basicamente, a principal diferença entre o JCP e dividendos está na tributação, uma vez que são cobrados 15% de Imposto de Renda (IR) na fonte para o JCP.

Há outras distinções, mas no geral são parecidos.


Direitos de subscrição

Existe a chance da companhia emitir mais ações e conceder a possibilidade de compra antes do mercado. Quando faz isso, está dando o direito de subscrição.


Quais os benefícios de dividendos?


Pessoas que acumulam recursos financeiros e desejam viver da renda que os investimentos fornecem podem se dar bem com essa proposta.

Mais uma questão é que ele é voltado para planos de médio e longo prazo, tornando-se mais uma alternativa disponível dentro do mercado financeiro - use nosso simulador de fundo imobiliário e pense na possibilidade de investir nele.

Vale pontuar que pode acabar sendo uma renda extra. No entanto, para ter um retorno significativo, é também preciso investir um montante alto.

Entre na nossa sala de investimentos para entender mais sobre diferentes alternativas e fazer escolhas coerentes com o que busca.


Dividendos trimestrais são interessantes?


A empresa decide quando vai acontecer o pagamento dos proventos. Por isso, existem opções mensais, trimestrais e semestrais.

Pagar com maior frequência é a alternativa mais interessante para quem deseja um fluxo de caixa. Os bancos, por exemplo, geralmente entregam os dividendos de forma trimestral, pois precisam fazer balanços mensais e enviar as informações para o Banco Central.

Observe os momentos em que ocorreu o pagamento no ano passado de cada empresa e vai descobrir quando acontecem.


Como funciona o investimento em dividendos?


Antes de mais nada, há a Data de Declaração dos dividendos, onde eles são anunciados. Depois, parte dos lucros são divididos entre os acionistas.

Para tanto, há a Data de Ex-dividendo, sendo que ela organiza quem vai receber os proventos. No entanto, para receber precisa pagar antes desse período.

Logo em seguida há a Data de Registro. As empresas ficam responsáveis por divulgar a lista de quem vai receber os dividendos.

Por fim, a Data de Pagamento é o momento em que a companhia determina que os investidores vão receber os dividendos.

Confira quanto rende R$1 milhão em fundos imobiliários e descubra se é o produto ideal para conquistar proventos.


Conclusão


Quem deseja dinheiro extra dos seus investidores pode beneficiar-se dos dividendos. Eles são parte do lucro líquido dividido pela empresa aos acionistas.

Viver de dividendos é o sonho de muitas pessoas e muitas outras se aproveitam para lucrar com a promessa de te ajudar a conquistar esse objetivo. Mas seria necessário ter uma grande quantidade de ações para alcançar esse patamar. Por isso, fique atento.

Muitos deles são pagos de forma anual e, apesar de ser uma boa estratégia para conseguir realizar metas, geralmente os indivíduos geram mais patrimônio com a compra e venda de ações.

Por fim, indicamos que você estude a respeito do mercado e das diversas opções disponíveis.

Lembre-se de continuar acompanhando a Somas e usar a nossa ferramenta de meta financeira para definir seu objetivo financeiro.

Veja mais sobre investimentos:

Diariamente novos artigos especialmente produzidos por nossa equipe para que você possa tomar decisões financeiras mais inteligentes

17 de setembro, 2022
Investidor Anjo: o que é? [2022]

O investidor anjo realiza investimentos em empresas novas que possuem um alto potencial de crescimento e risco. Conheça mais sobre.

17 de agosto, 2022
Free Float: o que é e qual a importância desse indicador? [2022]

O Free Float é uma métrica referente ao percentual de ações de uma determinada empresa disponíveis para negociação no mercado. Veja mais sobre o assunto.

17 de agosto, 2022
Subscrição: o que é e para que serve? [2022]

Veja o que é a subscrição e como utlizar para beneficiar sua carteira de investimentos.

17 de agosto, 2022
Holding: o que é e suas vantagens? [2022]

Uma holding é uma empresa que possui participação em outras empresas. Saiba como funciona e como constituir uma holding.

17 de agosto, 2022
Cotação: o que é e como funciona? [2022]

Entenda o significado de cotação, suas utilidades e como funciona para o mercado financeiro.

17 de agosto, 2022
Tape Reading: entenda o conceito e sua funcionalidade na prática [2022]

Amplamente utilizada por traders para encontrar oportunidades no mercado, o Tape Reading é um termo amplamente utilizado.

17 de agosto, 2022
Bull e Bear Market: o que o touro e o urso significam no mercado financeiro? [2022]

Conheça o termo amplamente empregado no mercado financeiro para ciclos de bolsa de alta e baixa.

17 de agosto, 2022
Circuit Breaker: o que é e os últimos eventos que acionaram [2022]

Você já conhece o termo circuit breaker? Entenda esse sistema que pode ser acionado em momentos de extremo pessimismo nas bolsas de valores.

17 de agosto, 2022
Fundos Imobiliários de Tijolo: o que são? [2022]

Já conhece os fundos imobiliários de tijolo? Veja suas principais características, como investir e selecionar as melhores opções do mercado.

17 de agosto, 2022
Renda Variável x Renda Fixa: quais são as diferenças? [2022]

Uma carteira de investimentos balanceada possui produtos de renda fixa e variável. Veja mais sobre cada classe de ativos e tome melhores decisões de investimento.

17 de agosto, 2022
Ágio: o que é e como funciona? [2022]

O valor cobrado em excesso por uma mercadoria ou mesmo operação financeira é chamado de ágio. Veja mais nesse artigo sobre o tema.

Acesse nosso Blog

Acesse nosso conteúdo e saiba mais sobre finanças pessoais, economia e assuntos diversos.

Toda semana artigos novos especialmente produzidos por nossa equipe para que você possa tomar decisões financeiras mais inteligentes

Próximos passos

Quanto posso pagar no meu próximo imóvel?

Utilize nosso simulador e saiba quanto você pode gastar no seu próximo imóvel. Nossa calculadora simula os dados do financiamento, rendimento mensal e te fornece uma resposta assertiva.

Acesse aqui
É melhor alugar ou comprar um imóvel?

Está na dúvida se vale a pena alugar ou comprar um imóvel? Acesse nosso simulador e tenha toda inteligência para que você possa tomar a decisão. É super simples. Acesse e tome sua decisão com a ajuda da Soma$.

Acesse aqui
Quanto pagar de imposto na venda do seu imóvel?

Criamos todas regras para que você possa calcular quanto pagar de imposto na renda sobre a venda do seu imóvel. Acesse nosso simulador exclsuivo e veja se vale a pena vender a sua casa ou apartamento.

Acesse aqui
Quanto pagar de IPTU e ITBI nas maiores cidades?

Nosso time pesqisou em diversas cidades e compilou as informações para que você você possa simular o quanto irá pagar de IPTU e ITBI. Válido para imóveis residenciais para diversas cidades no Brasil.

Acesse aqui

Acesse nossos simuladores e conteúdos para melhorar o seu planejamento financeiro

Nosso próposito é ajudar nossos usuários a tomarem decisões financeiras mais inteligentes.