Suas informações estão seguras com a Somas.

Alugar ou Comprar um Carro?


O seu custo alugando um carro (descontado o retorno sobre o investimento da entrada do automóvel) será de R$ 153.376,15 durante um período de 5 anos e comprando o carro o custo é de R$ 111.075,84, uma diferença de R$ 42.300,31. Veja a tabela de fluxo de investimento abaixo para mais detalhes.

COMPARANDO


R$

R$ 24.000,00 ao ano

R$
R$

30,00% do valor do automóvel

%
10.00

0.80 % ao mês

Meses
60

R$ 736,25 (parcela fixa)


DETALHES DO AUTOMÓVEL


R$
2.500,00

R$ 2.5000,00 ao mês (ano 1)

R$
1.200,00

R$ 100,00 ao mês (ano 1)

R$
2.000,00
%
1,00

R$ 500,00 (ano 1)

%
10%

R$ 5.000,00 (ano 1)


DETALHES DO ALUGUEL

%
2,00

Acréscimo de R$ 40,00 (ao mês no ano 2)


AVANÇADO

%
4,00
%
7,00


FLUXO DE INVESTIMENTOS

Ano Alugar Comprar Economia
Alugando
Patrimônio
Alugando
Patrimônio
Comprando
1
2
3
4
5
Total



RESUMO ALUGUEL

Ao Ano Ao Mês
Valor do Aluguel
(Ano 1)
Valor do Aluguel
(Ano 2)
Valor do Aluguel
(Ano 3)
Valor do Aluguel
(Ano 4)
Valor do Aluguel
(Ano 5)



RESUMO COMPRA

Ano 1 2 3 4 5
Entrada
Prestações
IPVA
Seguro
DPVAT + Licenciamento
Manutenção
Depreciação
Total



SEGUE ABAIXO A SIMULAÇÃO DAS PARCELAS DO FINANCIAMENTO DO SEU AUTOMÓVEL (TABELA PRICE)

Ano 1
Ano 2
Ano 3
Ano 4
Ano 5

COMPARTILHE:

Em uma escala de 1 a 10, o quanto você indicaria essa página da Somas para um amigo(a)?



Alugar ou Comprar Carro

Atualizado em 24 de setembro, 2021

Alugar um carro ao invés de comprá-lo tem sido a opção de cada vez mais brasileiros. O dilema de conquistar um automóvel e a vontade de economizar, no entanto, confunde muitos deles.

Mas qual é a melhor opção para você? Leia este texto e descubra.


Carro próprio


O carro próprio exige gastos para além do valor da compra, como o seguro e a manutenção dele.

Com custos recorrentes, é importante que o comprador possua uma renda suficiente para arcar com essas despesas. Confira os principais gastos abaixo:

Entrada: na compra de um automóvel, é comum precisar pagar, no mínimo, 20% do valor total dele. Esse dinheiro poderia ir para investimento, trazendo ganhos financeiros futuramente. Se ele custar 60 mil reais, por exemplo, e a entrada for 20%, você gastaria 12 mil reais já no começo.

Financiamento do automóvel: depois de escolher o carro e sua entrada, é preciso pagar o empréstimo. No Brasil, geralmente a taxa de financiamento automotivo varia entre 0,78% e 3,83% ao mês - a depender da quantidade de parcelas, idade do comprador e outros.

Orçamento: ficar atento ao seu orçamento é crucial. . Ao saber quanto possui, descobre quão disponível está para pagar as parcelas oferecidas.

IPVA: o Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) é uma taxa cobrada pelo governo estadual. A quantia a ser paga é, geralmente, entre 1,5% e 4% do valor venal do automóvel.

Licenciamento e seguro obrigatório: o Certificado de Registro e Licenciamento (CRLV) é um documento obrigatório e deve ser entregue anualmente. Ele serve como garantia de que o carro está apto para circulação. Dependendo do estado, a cobrança muda.

O seguro obrigatório indeniza pessoas que sofreram acidentes de trânsito e o culpado não foi descoberto. Para isso, os donos dos veículos pagam essa taxa.

Manutenção: depois da compra do automóvel, um dos gastos que se tem é com a manutenção corretiva e preventiva do veículo: . Trocas de pneus, baterias novas e outros fatores devem ser considerados, em pelo menos, uma revisão anual.

Depreciação: a desvalorização dos automóveis acontece rapidamente no Brasil: assim que ele sai da concessionária, em média, já vale menos 10% de seu valor original. Além disso, anualmente perde cerca de 10% do que vale. No entanto, esse valor varia muito dependendo do modelo, ano e outros fatores do carro.

Exemplo:

Você comprou um carro que valia 60 mil reais.

1° ano: Desvalorização de 6 mil reais (10% do valor). Passou a valer 54 mil reais.

2° ano: desvalorização de 5,4 mil reais. Passou a valer 48,6 mil reais.

3° ano: desvalorização de 4,86 mil reais. Passou a valer 43,74 mil reais.

Muitas pessoas fazem financiamento e por isso, devem pagar juros, os quais deixarão a compra mais cara. Logo, o carro custa mais de 60 mil reais e em 3 anos passa a custar 43,74 mil reais.

Gasolina: a gasolina é um item a ser levado em consideração. O gasto depende de quanto ela custa e na quantidade usada pelo consumidor.

Estacionamento: muitas pessoas não possuem garagem própria e precisam pagar estacionamento. Como o custo depende da região, é importante pesquisar .


Alugar Automóvel

Aluguel de carro: Para alugar um automóvel, é preciso estar atento àquilo que está incluso no valor da locação.

Geralmente, as empresas cobrem o IPVA, licenciamento e seguro obrigatório DPVAT.

A manutenção, normalmente, não é repassada ao locatário. Além disso, há algumas empresas que oferecem como complemento outro serviço: um seguro.

Outros custos: ao alugar um carro, há uma grande economia. No entanto, ainda existem gastos.

O estacionamento, no caso de quem não possui garagem, é um deles.

Outro gasto é a gasolina do carro, o qual é relativo ao custo que ela possui no momento e a quantidade que o consumidor usa.

Custo de oportunidade: é importante lembrar que o dinheiro economizado utilizado para investir terá um rendimento. E esse, deve ser descontado dos custos que o carro alugado trará.


Manual - Alugar vs. Comprar Automóvel


Atualizado em 24 de setembro, 2021

A nossa calculadora possui diversos campos que devem ser completados por você para que possamos fazer uma análise correta sobre o seu fluxo de receitas e custos para esses dois cenários. Segue abaixo a explicação de cada:


Compra


Valor do Carro: estimativa do preço do carro que procura, incluindo as taxas de compra.

Entrada do Carro: quanto você pode disponibilizar para a entrada do automóvel.

Taxa de Financiamento (CET – Custo Efetivo Total): é a cobrança feita pelo banco. Essa taxa é a efetiva total, a qual inclui os custos da instituição financeira e é conhecida como CET.

Prazo de financiamento: o prazo que o banco oferece para você amortizar o crédito automotivo.

IPVA: consideramos o IPVA como uma despesa que faz parte dos gastos para o proprietário do veículo. Logo, esses valores vão constar em no cálculo no cenário de compra do automóvel e não para a locação.

Seguro do carro: um valor que faz parte do seu custo anual com um automóvel, quando proprietário(a).

Manutenção do Automóvel: valores relacionados à manutenção do carro.

Depreciação: esse custo não financeiro impactará o seu patrimônio e, por isso, incluímos no cálculo de compra do imóvel.

Inflação Média: de forma geral, o IPVA, seguro e seguro obrigatório são corrigidos próximos à inflação média de um período.


Aluguel


Valor do Aluguel: o valor que pretende gastar com a locação do carro

Acréscimo aluguel ao ano: grande parte dos contratos de locação no Brasil são indexados pelo IPCA ou algum outro índice. Para a atualização anual do valor do aluguel do carro, é importante considerar uma taxa acordada entre você e a empresa que aluga o carro.

Retorno: entendemos que se você não disponibilizar um recurso para a entrada do carro, ele vai ser utilizado para outros meios (custo de oportunidade).

Entre na nossa sala de investimentos para aprender mais sobre finanças pessoais.


Veja mais sobre financiamento imobiliário:

Dicas para comprar o seu imóvel financiado
30 de agosto, 2021
Como funciona o financiamento de um imóvel?

Nesse artigo iremos explicar todos detalhes de como funciona um financiamento imobiliário. Os tipos, entradas, documentação exigida e muito mais.

Financiar Imóvel sem Entrada
26 de agosto, 2021
É possível financiar um imóvel com zero de entrada?

Neste novo artigo exclusivo, nós da equipe Somas separamos para você alternativas que podem te ajudar a gerenciar o valor alocado na entrada dos financiamentos imobiliários.

Score para crédito imobiliário
24 de agosto, 2021
Qual é o melhor banco para financiamento imobiliário em 2021?

A equipe da Somas fez uma pesquisa ampla para entender as melhores opções de financiamento imobiliário em 2021.

Score para crédito imobiliário
23 de agosto, 2021
Como funciona a relação do Score de crédito e o financiamento imobiliário em 2021?

Ter um crédito aprovado para financiar sua casa própria é considerado, para alguns, um grande desafio...

Quitar o financiamento é uma boa opção?
17 de agosto, 2021
Quitar seu imóvel é a melhor opção em 2021?

Uma dúvida de muitos brasileiros que atualmente possuem um financiamento imobiliário: quitar ou manter meu financiamento. Esse artigo da Somas visa..

Dicas para comprar o primeiro imóvel financiado?
16 de agosto, 2021
Dicas essencias para não ter seu financiamento reprovado pela Caixa em 2021

Listamos as principais dicas para que você possa aumentar suas chances de aprovação ao financiamento imobiliário da Caixa

Dicas para comprar o primeiro imóvel financiado?
16 de agosto, 2021
Qual o melhor tipo de financiamento imobiliário em 2021?

Tudo o que você precisa saber para tomar a melhor decisão quando for escolher seu financiamento imobiliário

Financiamento Imobiliário da Caixa em 2021
10 de agosto, 2021
Quais são os melhores financiamentos imobiliários da Caixa em 2021?

Neste artigo, a Somas fez uma análise completa sobre qual o melhor tipo de financiamento imobiliário da Caixa para seu perfil.

Glossário de Investimentos
03 de agosto, 2021
12 dicas para você que está pensando em adquirir seu primeiro imóvel

Neste artigo, a Somas separou 12 dicas que são especialmente para você, comprador de primeira viagem que busca encontrar...

Photo
22 de janeiro, 2021
Portabilidade de crédito: você sabe o que é e como funciona?

Nossa equipe resumiu as principais informações que você precisa saber para entender de uma vez por todas o que é a portabilidade de crédito imobiliário.

Photo
11 de janeiro, 2021
Refinanciamento Imobiliário ou Home Equity

Nossa equipe resumiu as principais informações que você precisa saber para entender de uma vez por todas o que é o home equity ou empréstimo com imóvel como garantia.

Alugar ou comprar imóvel
17 de dezembro, 2020
Alugar ou comprar um imóvel, como decidir?

Cada vez mais, os Brasileiros estão optando por ter mais liquidez em seu patrimônio, de forma a ter maior flexibilidade e mobilidade...

Photo
11 de novembro, 2020
Crédito imobiliário e como simular as parcelas

Como usar nosso simulador de financiamento imobiliário e mais dados sobre o mercado de crédito para imóveis.

Próximos passos

Quanto posso pagar no meu próximo imóvel?

Utilize nosso simulador e saiba quanto você pode gastar no seu próximo imóvel. Nossa calculadora simula os dados do financiamento, rendimento mensal e te fornece uma resposta assertiva.

Acesse aqui
É melhor alugar ou comprar um imóvel?

Está na dúvida se vale a pena alugar ou comprar um imóvel? Acesse nosso simulador e tenha toda inteligência para que você possa tomar a decisão. É super simples. Acesse e tome sua decisão com a ajuda da Soma$.

Acesse aqui
Quanto pagar de imposto na venda do seu imóvel?

Criamos todas regras para que você possa calcular quanto pagar de imposto na renda sobre a venda do seu imóvel. Acesse nosso simulador exclsuivo e veja se vale a pena vender a sua casa ou apartamento.

Acesse aqui
Quanto pagar de IPTU e ITBI nas maiores cidades?

Nosso time pesqisou em diversas cidades e compilou as informações para que você você possa simular o quanto irá pagar de IPTU e ITBI. Válido para imóveis residenciais para diversas cidades no Brasil.

Acesse aqui


Acesse nossos simuladores e conteúdos para melhorar o seu planejamento financeiro

Nosso próposito é ajudar nossos usuários a tomarem decisões financeiras mais inteligentes.