Veja mais em nosso Blog

Como Calcular Juros do Empréstimo?

A Somas preparou um artigo completo para te ajudar a aprender como calcular o juros de um empréstimo.

Logo Soma$
Equipe Somas - Ariel Serafim
17 de setembro, 2021

COMPARTILHE:

O que você verá nesse artigo:

Juros de EmpréstimoComo calcular juros do seu empréstimo?

Como calcular juros de empréstimo pessoal


Para toda transação ligada a parcelas como empréstimos pessoais existem taxas de juros que podem variar de acordo com a instituição financeira na qual você fechou o contrato. Nos dias de hoje existem centenas de bancos e instituições financeiras independentes, que oferecem planos de empréstimos que podem conter uma taxa de juros salgada, entretanto, também existem instituições que oferecem exatamente aquilo que cabe no seu orçamento.

Dentro desse universo de juros estão presentes modalidades de taxas que podem influenciar o pagamento das prestações. Neste artigo iremos mostrar para você algumas modalidades de juros, além de trazer explicações de como calcular e demais custos, como impostos que são cobrados. Confira:


O que são juros e em que circunstâncias se aplicam?


Os juros são basicamente a relação entre o valor e um período específico de tempo antes do pagamento da conta ou dívida, na prática, seu papel é compensar o tempo emprestado ou investido. Por exemplo, os juros se aplicam a empréstimos, compras regulares ou investimentos.


Impostos envolvidos nas prestações de juros


O que muitas pessoas não sabem é que calcular empréstimos envolve mais do que apenas taxas de juros. É necessário avaliar o custo efetivo total (CET), que envolve todos os custos envolvidos na operação, tais como:

Imposto sobre Operações Financeiras (IOF): É uma taxa obrigatória, incidente sobre empréstimos, financiamentos, operações de câmbio e títulos imobiliários, e deve ser incluída no valor total do empréstimo;

Taxa de abertura crédito (TAC): Esta taxa não é obrigatória, mas muitos agentes financeiros ainda cobram essa taxa para cobrir o custo de estudar a situação financeira do cliente;

Seguros: Algumas instituições financeiras também podem cobrar seguro para garantir o pagamento em caso de desemprego ou falecimento do titular;

Taxa de administração geral: os agentes ainda podem cobrar taxas de manutenção de registro e taxas de administração. Essas taxas podem variar dependendo da política de crédito do agente financeiro;

Antes mesmo de assinar o contrato, o agente financeiro é obrigado a fornecer ao consumidor o custo total do empréstimo. Portanto, a abordagem ideal é comparar o CET de diferentes empresas sob o mesmo valor e condições de pagamento. Desta forma, é possível escolher a opção mais vantajosa.


Escolhendo o melhor tipo de empréstimo


As instituições calculam os prazos de pagamento com base em uma série de fatores, incluindo o risco de inadimplência, em que isso representa a possibilidade de o devedor deixar de cumprir as obrigações pactuadas. Uma medida que pode ajudar a reduzir esse risco é a constituição de garantias de alienação das operações.

Quando os clientes fornecem mercadorias como garantia, isso acabará por trazer maior segurança às instituições financeiras. Quando um cliente corre o risco de perder um imóvel, ele prestará mais atenção ao parcelamento, reduzindo assim o índice de inadimplência. Portanto, os empréstimos garantidos são a forma mais barata de obter fundos no país.

À medida que o risco de inadimplência diminui, os credores podem oferecer taxas de juros mais baixas e condições de pagamento mais favoráveis.


Aprendendo a calcular juros de empréstimos


Vários são os fatores que podem influenciar a definição das taxas de juros dos empréstimos, desde o cenário econômico no Brasil até as políticas de crédito adotadas pelos agentes financeiros, aquisição de clientes, taxas de retorno ao investidor e custo das vendas. Nesse cálculo, a agência também considera outros fatores, como risco de crédito ou inadimplência e o não pagamento das parcelas pelas partes.

Ao definir essa relação, a agência pode se proteger caso as partes não paguem as parcelas. Além disso, cada agente financeiro pode cobrar taxas diferentes com base em sua política de crédito e na situação financeira do requerente. Portanto, é muito importante comparar as condições antes de decidir onde solicitar o crédito.

O cálculo dos juros dos empréstimos pessoais segue regras de juros compostos, levando em consideração os juros. Nesse caso, a taxa é sempre calculada com base no valor inicial (o valor do empréstimo) mais o valor dos juros cobrados no mês anterior. Por exemplo: se você pagar 3% de mais de R$1000, o valor da segunda parcela será de R$1030, então os juros da segunda parcela serão recalculados com base neste valor em vez do valor inicial.


Entenda a diferença entre juros simples e juros compostos



Juros simples

Os juros simples são cobrados apenas com base no capital inicial, ou seja, o valor do empréstimo, enquanto os juros compostos incidem sobre o valor do empréstimo acrescido dos juros de cada período. Portanto, os juros compostos também são chamados de "juros de juros".

Veja dois exemplos de cálculos de juros simples e compostos: juros simples

Imagine que você tenha emprestado R$1.000 de um amigo e tenha que pagar juros simples mensais de 8%. Para calcular quanto de juros você precisa pagar por cada parcela, basta fazer os seguintes cálculos:

1000 x 0,08 = 80

* 0,08 = 8%

Por meio desse cálculo, você sabe que deve devolver uma parcela de 1.000 reais mais 80 reais de juros todo mês.

Para saber o valor total dos juros que você deve pagar antes de liquidar a dívida, basta multiplicar o valor dos juros mensais (80 reais) pelo número de parcelas definidas para o pagamento do empréstimo. Suponha que você queira pagar 5 vezes. O cálculo será:

80x 5 = 400

Ou seja, você só precisa pagar 400 reais de juros para quitar o empréstimo.


Juros compostos

Suponha que você pegue emprestado 1.000 reais do banco, cobra juros compostos, e você fará um pagamento à vista em alguma data futura, ou seja, o principal mais os juros. Neste caso, a taxa de juros será calculada sobre o capital inicial (valor do empréstimo) mais o valor dos juros arrecadados no mês anterior. Obviamente, exceto para a primeira parcela, quando a taxa de juros incide apenas sobre o capital inicial.

Para um melhor entendimento, vamos usar o mesmo exemplo acima. Verifique os cálculos que precisam ser feitos no caso de juros compostos:

Primeiro mês:

1.000 x 0,08 = 80 → R$80 é o valor dos juros que você pagará no primeiro mês.

Segundo mês:

1.000 + 80 (juros do primeiro mês) = 1.080 → É neste valor (R$1.080) que você aplicará a taxa de juros para saber quanto vai pagar no segundo mês. Siga a regra:

1.080 x 0,08 = 86,40 → R $ 86,40 é o valor dos juros que você vai pagar no segundo mês

Terceiro mês:

1.000 + 80 (juros do primeiro mês) + 86,40 (juros do segundo mês) = 1.166,40 → A taxa de juros será utilizada para apurar o valor do pagamento do terceiro mês. Note que 1.166,40 x 0,08 = 93.312 → R$93.312 é o valor dos juros que você pagará no terceiro mês.


Empréstimo pessoal: Modalidades



Empréstimo consignado

Essa modalidade de crédito é destinada exclusivamente a trabalhadores assalariados, aposentados e pensionistas. Em empréstimos com dedução de salário, os juros são frequentemente mais baixos porque as instituições financeiras usam os salários ou benefícios do requerente como garantia de pagamento, ou seja, o parcelamento do empréstimo é descontado diretamente na folha de pagamento do solicitante. Dessa forma, o banco ou financeira garante que receberá o valor parcelado.

O sistema de juros compostos também é aplicável a este tipo de empréstimo, mas devido à baixa taxa de juros, no final do contrato, a diferença entre o valor do contrato e o valor do pagamento costuma ser menor do que a diferença dos empréstimos pessoais, em qualquer caso, o cálculo funciona da mesma maneira.


Empréstimo pessoal: Veículo ou móvel como garantia

Utilizar o imóvel ou veículo como garantia de empréstimo é uma modalidade em que o proprietário fornece seu imóvel como garantia para o pagamento de dívidas. Nesse caso, se a dívida não for quitada, o banco pode ficar com o imóvel. Dessa forma, a taxa de juros é menor, o valor do empréstimo pode ser maior (tudo depende do valor do imóvel), e a dívida pode ser quitada em um longo prazo de até 20 anos.

Nesse caso, a taxa de juros pode ser até menor do que o crédito à consignação. A desvantagem desse tipo de crédito é que, em caso de inadimplência, o banco pode utilizar como garantia o imóvel cedido. Esses empréstimos também envolvem altos custos operacionais.


13º salário

Nessa opção, mesmo que o empregador não pague o depósito do 13º salário, o débito será descontado na conta do devedor, ou seja, corre-se o risco de o devedor não dispor de recursos para quitar o empréstimo. Além do risco de não ter dinheiro para quitar a dívida, esse tipo de crédito pode não ser a melhor solução, pois a expectativa é de que a pessoa receba um pagamento no final do ano, e o custo desse prazo costuma ser maior, incluindo Natal, Férias, compra de material didático e pagamento de taxas e impostos como IPVA e IPTU.


Evite cartão de crédito e cheque especial


O conselho dos especialistas é nunca usar o que consta no cartão para financiar, pagar as contas sempre cheias e evitar saques a descoberto. Exceder o limite orçamentário nesses casos significa pagar uma taxa de juros anual superior a 200%. Porém, caso seja necessário baratear sua dívida, você basicamente pode trocar uma dívida cara que possui juros altos, por uma mais barata e com juros menores.

A especialista em finanças Carol Sandler explica em um vídeo do seu canal no YouTube que você pode trocar uma dívida no cheque especial, por um empréstimo com garantia de imóvel. Suponha que você esteja devendo R$30.000 reais no cheque especial para o banco e queira se livrar dessa dívida que possui juros altíssimos.

Seria mais apropriado que você solicite R$30.000 reais em empréstimo com garantia de imóvel e em seguida quite a vista essa dívida do banco. “Neste caso você estaria apenas pagando o empréstimo com imóvel como garantia, que chega a ter taxas de juros 10x mais baratas que o juros do cheque especial”, explica. "É importante lembrar também que você precisa se atentar para não trocar uma dívida cara por outra ainda mais cara, neste caso atente-se aos valores do Custo efetivo total de cada transação financeira que você decidir fazer”, acrescenta.

Veja as melhores opções de empréstimo pessoal e escolha o ideal para seu perfil:

Instituição Reclame Aqui
(12 meses)
Valor Mínimo
(em R$)
Valor Máximo
(em R$)
Taxa Mensal
a partir de:
Prazo Máximo Aceita negativado Garantia Solicite em Análise Completa
livre digital

Livre Digital

9,8/ 10
100
6.000
1,87%
ao mês
12
meses
Sim
Sim
Garantia de Cartão de Crédito
Solicite
no site da Livre Digital*
Creditas
supersim

Supersim

8,6/ 10
250
2.500
12,5%
ao mês
12
meses
Não
Não
Não exigida
Solicite
no site da Supersim*
Supersim
Provu

Provu

8,4/ 10
2.000
50.000
1,99%
ao mês
36
meses
Não
Não
Solicite
no site da Provu*
provu
bxblue

Creditas - Auto

8,3/ 10
5.000
150.000
0,99%
ao mês
60
meses
Não
Sim
Garantia Auto
Solicite
no site da Creditas*
Creditas
creditas

Creditas - Imóvel

8,3/ 10
30.000
90%
do valor do automóvel
0,85% + IPCA
ao mês
240
meses
Sim
Sim
Garantia de Imóvel
Solicite
no site da Creditas*
Creditas
bxblue

bxblue - Aposentados

8,1/ 10
500
90.000
1,19%
ao mês
84
meses
Sim
Não
Empréstimo Consignado
Solicite
no site da bxblue*
bxblue
bxblue

bxblue - Servidores

8,1 / 10
500
450.000
1,19%
ao mês
96
meses
Não
Não
Empréstimo Consignado
Solicite
no site da bxblue*
bxblue
clickcash

Click Cash

7,9/ 10
1.000
10.000
4,00%
ao mês
24
meses
Não
Não
Solicite
no site da Click Cash*
Click Cash
geru

Geru

7,8/ 10
2.000
50.000
2,00%
ao mês
36
meses
Não
Não
Solicite
no site da Geru*
Geru
emprestimo sim

Empréstimo Sim - Sem Garantia

7,8/ 10
500
25.000
1,49%
ao mês
36
meses
Não
Não
Solicite
no site da Empréstimo Sim*
Empréstimo Sim
emprestimo sim

Empréstimo Sim - Auto

7,8/ 10
25.000
150.000
1,29%
ao mês
60
meses
Não
Sim
Garantia Auto
Solicite
no site da Empréstimo Sim*
Empréstimo Sim
supersim

Rispar

N.D/ 10
1.000
300.000
0,49%
ao mês
12
meses
Não
Sim
Garantia de Criptomoedas
Solicite
no site da Rispar*
Rispar

A Somas Tecnologia Ltda. (CNPJ: 40.500.032/0001-70) não é uma instituição financeira e não realiza quaisquer operações de crédito ou de consultoria e assessoria de investimentos diretamente. Somos uma plataforma que facilita o acesso de clientes a produtos e serviços oferecidos por nossos parceiros, incluindo instituições financeiras e agentes autônomos de investimento, entre outros.

A Somas é um buscador de crédito 100% online que facilita o acesso dos clientes a produtos e serviços ofertados por nossos parceiros.



Veja mais sobre empréstimo pessoal:

Toda semana novos artigos especialmente produzidos por nossa equipe para que você possa tomar decisões financeiras mais inteligentes

Portabilidade de Crédito
06 de outubro, 2021
Portabilidade de Empréstimo

Saiba tudo sobre portabilidade de empréstimo e como tomar a melhor decisão sobre o assunto.

10 dicas para não cair em golpes de empréstimo
28 de setembro, 2021
10 dicas para não cair em golpes de empréstimo

A Somas separou 10 dicas para te ajudar a não cair em golpes de empréstimo pessoal.

O que é refinanciamento?
02 de outubro, 2021
O que é refinanciamento de empréstimo?

A Somas irá te explicar em detalhes como funciona o refinanciamento e você tomará a melhor decisão financeira com esse novo conhecimento.

Limite Crédito Pessoal
02 de outubro, 2021
O que é limite de crédito pessoal?

O limite de crédito pessoal é um tipo de crédito que as diferentes instituições financeiras disponiblizam aos consumidores. Veja mais sobre o tema com a Somas.

Contratar 2 empréstimo
01 de outubro, 2021
Já tenho um empréstimo pessoal, posso fazer outro?

Para quem já tem um empréstimo e precisa de outro para alguma necessidade, é possível? Nós respondemos.

Como contratar uma financeira segura?
27 de setembro, 2021
Como contratar uma financeira segura?

A Somas separou os principais fatores que você deve analisar ao contratar um novo financiamento ou empréstimo pessoal.

Qual banco tem a melhor taxa
16 de setembro, 2021
Qual banco tem a menor taxa de empréstimo pessoal?

Veja com a Somas quais bancos possuem as menores taxas de empréstimo pessoal.

Geru
16 de setembro, 2021
Análise: Creditas é confiável?

A Somas fez uma análise completa sobre o empréstimo pessoal da Creditas. Saiba se a empresa possui o empréstimo ideal para o seu perfil.

Como Simular um Empréstimo Pessoal
20 de setembro, 2021
Como Simular um Empréstimo Pessoal?

Precisa de um empréstimo pessoal e não sabe por onde começar a simulação? Veja mais.

Juros de Empréstimo
20 de setembro, 2021
Como Calcular Juros do Empréstimo?

A Somas preparou um artigo completo para te ajudar a aprender como calcular o juros de um empréstimo.

Geru
16 de setembro, 2021
Análise: Geru é confiável?

A Somas fez uma análise completa sobre o empréstimo pessoal da Geru. Saiba se a empresa possui o empréstimo ideal para o seu perfil.

Geru
16 de setembro, 2021
Análise: Geru

A Somas fez uma análise completa sobre o empréstimo pessoal da Geru. Saiba se a empresa possui o empréstimo ideal para o seu perfil.

Click Cash
16 de setembro, 2021
Análise: Click Cash

A Somas fez uma análise completa sobre o empréstimo pessoal da Click Cash. Saiba se a empresa possui o empréstimo ideal para o seu perfil.

bxblue
16 de setembro, 2021
Análise: bxblue

A Somas fez uma análise completa sobre o empréstimo consignado que você pode encontrar na bxblue. Saiba se a empresa possui o empréstimo ideal para o seu perfil.

Supersim
16 de setembro, 2021
Análise: Supersim

A Somas fez uma análise completa sobre o empréstimo pessoal da Supersim. Saiba se a empresa possui o empréstimo ideal para o seu perfil.

Empréstimo Sim
16 de setembro, 2021
Análise: Empréstimo Sim

A Somas fez uma análise completa sobre o empréstimo pessoal da Empréstimo Sim. Saiba se a empresa possui o empréstimo ideal para o seu perfil.

Lendico
16 de setembro, 2021
Análise: Lendico

A Somas fez uma análise completa sobre o empréstimo pessoal da Lendico. Saiba se a empresa possui o empréstimo ideal para o seu perfil.

Empréstimo para Autônomo
16 de setembro, 2021
Saiba tudo sobre Empréstimo para Autônomo

Veja com a Somas como obter as melhores condições de empréstimo para autônomos

Menores taxas de empréstimo pessoal
28 de julho, 2021
Como obter empréstimo pessoal e conseguir menores taxas

Conheça um pouco mais sobre o empréstimo pessoal e conheça nossas parceiras, que possuem as taxas mais atrativas de juros do mercado.

Rispar
16 de setembro, 2021
Análise: Rispar

A Somas fez uma análise completa sobre o empréstimo pessoal da Rispar

Acesse nossos simuladores e conteúdos para melhorar o seu planejamento financeiro

Nosso próposito é ajudar nossos usuários a tomarem decisões financeiras mais inteligentes.