Veja mais em nosso Blog

Confira 6 dicas de empréstimos para abrir sua empresa em 2022

Precisa de capital extra para abrir sua empresa? Veja mais e saiba como se preparar da forma correta para sua nova empresa sair do papel

Logo Soma$
Equipe Somas - Ariel Serafim
06 de setembro, 2021

COMPARTILHE:

Neste artigo, mostraremos como levantar o capital inicial da sua empresa, além de trazer maneiras de como conseguir o melhor empréstimo.

O que você verá nesse artigo:

Como conseguir capital para abrir sua empresa?Conheça mais sobre como conseguir um empréstimo para abrir sua empresa

Digamos que você já tenha seu plano de negócios montado, mas precisa de fundos para abrir as portas de sua empresa. Afinal, é preciso ter algum dinheiro para colocar um negócio em funcionamento, mas como você pode conseguir um empréstimo para começar seu negócio?

Toda empresa precisa de um capital para realizar suas atividades, independentemente do ramo a seguir ou até mesmo a quantidade de funcionários. No início de tudo, é muito comum aparecer com mais frequência despesas a serem pagas, até o momento em que o negócio começa a gerar retorno de receita e lucro. Para empreendedores que não possuem patrimônio líquido para abrir um negócio, fazer a solicitação de um empréstimo pode ser a melhor solução!

Neste artigo, nós da equipe Somas mostraremos como levantar o capital inicial da sua empresa, além de trazer maneiras de como conseguir o melhor empréstimo.


1. Linhas de Crédito


Desde o início da nova pandemia de Covid-19, as operações de pequenas, médias e microempresas (MPMEs) enfrentaram muitas restrições. A maior parte dos recursos federais usados para combater a crise financeira causada pela pandemia terminou em 31 de dezembro de 2020 e o retorno ainda está sendo discutido.

Hoje, as alternativas vêm de planos nacionais ou linhas privadas. A equipe da Somas listou as linhas de crédito para pequenas, médias e microempresas disponibilizadas por instituições financeiras neste ano de 2021. Também há dicas para o empresário escolher a melhor linha de crédito. Confira abaixo:

  • Caixa Econômica Federal (CEF): A Caixa Econômica Federal fornece uma linha de crédito, que libera uma determinada quantia após análise de crédito e capacidade de pagamento da empresa.

  • Microcrédito Caixa Econômica Federal: é um tipo de empréstimo concedido a pessoas físicas ou microempresários que pretendem iniciar ou expandir seus negócios. Este modelo destina-se a empreendedores formais, como o MEIs entre entidades jurídicas e informais, que não conseguem obter facilmente empréstimos ou créditos tradicionais. Por meio do microfinanciamento, cada empresário pode obter até R$20.000.

  • BNDES automático: O financiamento é realizado por meio de instituições financeiras homologadas pelo BNDES, que possui diversas linhas de financiamento com condições diferenciadas, que devem ser verificadas.

  • Cartão BNDES: O Banco Nacional do Desenvolvimento (BNDES) também tem uma modalidade que disponibiliza aos clientes um cartão que permite adquirir bens móveis para empresas, pagando em até 48x e com juros baixos. No entanto, o capital só pode ser usado para esse fim, mas vale a pena levar esse método em consideração, uma vez que essa alternativa pode facilitar a vida de muitos empresários. + (“Matéria Empréstimo ou Financiamento”)

  • Fundo de Financiamento do Centro-Oeste (FCO): É um fundo de crédito constituído de acordo com a Constituição Federal de 1988 para promover o desenvolvimento econômico e social das regiões centro oeste do Brasil por meio de empresas e produtores rurais que desejam desenvolver, expandir ou modernizar as atividades produtivas na região e que podem contar com o apoio do FCO para financiar seus projetos com prazos de pagamento de longo prazo e juros baixos. Para utilizar os recursos do FCO na solicitação de financiamento, os empresários devem ser comerciantes ou produtores rurais com atividades no Distrito Federal, Goiás, Mato Grosso e Mato Grosso Sul. Em alguns casos, a premissa da concessão do crédito são recursos próprios do proponente, correspondentes à sua participação no investimento, e renovação do registro no Banco do Brasil.

  • Linhas de crédito Santander: O Santander oferece opções de linhas de crédito para PMEs com base nos objetivos de crescimento do negócio, algumas das quais incluem gestão de fluxo de caixa, pré-pagamento de contas a receber, financiamento de capital de giro e soluções de crédito para renegociação de dívidas. Veja abaixo mais opções do banco:

  • Vendas com cartão pré-pago: Você pode pagar antecipadamente os recebíveis das vendas com cartão de crédito;

    Saque de cheques: A opção de crédito é uma forma de prever rapidamente as vendas parceladas e a utilização de cheques pré-datados;

    Confirmação: Opção para permitir que as empresas informem as faturas devidas aos fornecedores, podendo solicitar ao Santander a estimativa dos créditos;

    Santander Master: Créditos consecutivos ou alternados de cinco dias sem juros, muito adequados para o pagamento de despesas emergenciais;

    Conta garantida: Opção de crédito garantido que permite administrar o dia a dia da empresa. Apenas para titulares de contas (dependendo da conta).


2. Crédito Pessoal


O crédito pessoal é ideal para quem precisa de dinheiro para fazer frente a imprevistos ou quitar dívidas de cartão de crédito ou cheque especial, ou para quem não usa o crédito da loja, pois os juros desses serviços são mais elevados na maioria dos casos.

Uma das vantagens do crédito pessoal é a assinatura simples e rápida, que pode ser parcelado por meio de débito automático, boleto bancário ou cheque pré-datado, e colocar no bolso. Você também pode escolher a melhor data de vencimento para o parcelamento.

Após a análise de crédito pessoal, geralmente dentro de 24 horas, se aprovado, o dinheiro fica imediatamente disponível para seu uso. Mas antes de solicitar um empréstimo pessoal, preste atenção ao plano de pagamento. Afinal, ao aceitá-lo, você concorda com essas condições. Quando você reembolsar o empréstimo no prazo, suas chances de obter um novo empréstimo ou financiamento só aumentam.

Veja a melhor opção de empréstimo pessoal utilizando o buscador da Somas. Não cobramos taxas e antecipação.


3. Investidores-Anjos


É um investimento realizado por pessoas físicas com capital próprio em empresas como startup nascentes com um alto potencial de crescimento com as seguintes características:

  • Geralmente tem uma participação minoritária no negócio, que pode ser via dívida conversível em ações.

  • Não ocupam cargos administrativos na empresa, mas atuam como mentores ou consultores de apoio aos empreendedores.

Os investidores-anjo são geralmente empresários, empreendedores ou executivos que embarcaram em uma carreira de sucesso e acumularam recursos suficientes para destinar uma parcela (geralmente entre 5% e 10% de seu patrimônio) para investir em novas empresas e aplicar sua experiência de suporte à empresa.

Deve-se notar que o investimento anjo não é uma atividade filantrópica, pois o objetivo do Investidor Anjo é investir apenas em empresas com alto potencial de retorno, gerando um grande impacto positivo na sociedade por meio da geração de empregos e renda. O termo "anjo" é usado porque não é apenas um investidor financeiro quem fornece o capital necessário para as empresas, mas porque apoia os empreendedores, utilizando seu conhecimento, experiência e rede de relacionamentos para orientá-los e aumentar seu sucesso.


4. Financiamento Coletivo


Também conhecido como "Crowdfunding", é uma forma moderna de arrecadar fundos sem a necessidade de recorrer ao banco. Por meio dele, as pessoas podem contribuir com o projeto que está sendo executado e, em troca, recebem recompensas, que são fornecidas por quem receberá o apoio financeiro.

O termo é amplamente usado para descrever atividades na Internet destinadas a arrecadar fundos para artistas, pequenas empresas, startups, movimentos políticos, projetos de código aberto, filantropia e ajuda em áreas afetadas por desastres.

Normalmente é estipulado que a meta de arrecadação deve ser cumprida para que o projeto seja viável. Se os fundos arrecadados forem inferiores à meta, o projeto não será financiado e os fundos arrecadados serão devolvidos aos doadores.

É adequado para qualquer tipo de mercado, seja cultura, saúde, tecnologia, indústria, entre outros.


5. Empréstimo Bancário


Os empréstimos bancários ou empréstimo pessoal são uma ótima maneira de abrir ou expandir um negócio. Este método é o mais conhecido e utilizado em todo o país. No entanto, ao contrário da crença popular, os empréstimos não são apenas operações financeiras realizadas pelos bancos.

Atualmente, cooperativas de crédito, lojas e diversas instituições financeiras oferecem empréstimos para diversos fins. Existem vários modelos de empréstimos bancários que podem ser concedidos com base no banco e na pessoa que deseja sacar.

Portanto, o Banco Central tem a responsabilidade de inspecionar e supervisionar as instituições financeiras que fazem concessões. Para que você descubra a melhor instituição financeira para fazer seu pedido de empréstimo, efetue uma simulação gratuita em nosso site clicando aqui.


6. Capital de Giro


O capital de giro destina-se a cumprir as obrigações financeiras diárias da operação de um negócio, como o pagamento de salários, aluguel e outras despesas. Portanto, trata-se de uma linha de crédito que visa auxiliar na reestruturação do fluxo de caixa da empresa.

Além disso, geralmente é uma operação de curto prazo. Por exemplo, o período máximo de reembolso das prestações do empréstimo é geralmente de um ano. Ao contrário de outras linhas de crédito corporativas, neste caso, você não precisa explicar a finalidade do empréstimo ao credor ao fazer um empréstimo.Além disso, o parcelamento não precisa ser pago mensalmente.

Existem opções de quitação mensal da dívida, bem como opções bimestrais, semestrais ou até mesmo ao final do contrato.


Veja mais sobre finanças para sua empresa:

Toda semana novos artigos especialmente produzidos por nossa equipe para que você possa tomar decisões financeiras mais inteligentes

BNDES Crédito
06 de outubro, 2021
BNDES crédito para pequenas empresas

Saiba tudo sobre o crédito para pequenas empresas do BNDES e veja se ele é o ideal para seu perfil.

Empréstimo para Autônomo
16 de setembro, 2021
Saiba tudo sobre Empréstimo para Autônomo

Veja com a Somas como obter as melhores condições de empréstimo para autônomos

Melhores cidades de São Paulo
06 de setembro, 2021
Empréstimo para abrir empresa em 2022

Precisa de capital extra para abrir sua empresa? Veja mais e saiba como se preparar da forma correta para sua nova empresa sair do papel.

Empréstimo para Microempresas
30 de agosto, 2021
Empréstimos para Microempresas em 2021

Aprenda neste artigo exclusivo como funciona e quais são as peculiaridades do empréstimo para microempresas.

Como escolher crédito?
08 de julho, 2021
Como escolher crédito para empresas?

Nossa equipe fez uma pesquisa ampla para ajudá-lo(a) a tomar a melhor decisão de crédito para sua empresa.

Corretora de Valores
08 de julho, 2021
Crescimento empresarial sem equity - tudo sobre linha de crédito

Todas empresas precisam de capital para iniciar as operações ou continuar crescendo, mas qual a melhor alternativa de captação de recursos para uma empresa?

Corretora de Valores
15 de junho, 2021
5 passos para conseguir um empréstimo para sua empresa

Descubra a forma mais eficaz e tome a melhor decisão na contratação do empréstimo para sua empresa

Photo
30 de março, 2021
Capital de giro: o que é e como calcular?

Nossa equipe resumiu as principais informações que você precisa saber para entender de uma vez por todas o que é e como calcular o capital de giro da sua empresa.

Acesse nossos simuladores e conteúdos para melhorar o seu planejamento financeiro

Nosso próposito é ajudar nossos usuários a tomarem decisões financeiras mais inteligentes.